Após a derrota do São Paulo no último domingo, parte da torcida se revoltou nas redes sociais com o baixo aproveitamento do time desde a retomada do futebol. Um pequeno grupo chegou a se deslocar até o Aeroporto de Guarulhos para receber a delegação que retornava do Rio de Janeiro.

Os números recentes do Tricolor não são bons. Desde que o futebol voltou, o time acumula duas vitórias, três derrotas e uma eliminação para o Mirassol nas quartas de final do Campeonato Paulista.

Porém mesmo com a queda recente, o técnico Fernando Diniz segue tendo aproveitamento superior que grande parte de seus antecessores no clube. Dos últimos cinco treinadores do Tricolor, apenas Diego Aguirre somou números melhores que o atual comandante.

Em 32 jogos pelo clube, Diniz tem 15 vitórias, sete empates e dez derrotas, com 54,2% de aproveitamento. Antes, Cuca teve passagem curta no Tricolor com 47,4% de aproveitamento em 26 jogos. Pior ainda foi o período de André Jardine, com 36,8% de aproveitamento em 19 jogos.

Em 2018, Aguirre comandou o São Paulo por 43 partidas, somou 19 vitórias, 15 empates e nove derrotas, com 55,8% de aproveitamento. Antes do uruguaio Dorival Júnior esteve no comando, com aproveitamento de 51,6% em 40 duelos.

O post Mesmo em queda, Diniz ainda tem 2ª melhor marca entre os últimos técnicos do São Paulo apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Rolar para cima