O técnico Vanderlei Luxemburgo resolveu deixar Luiz Adriano na reserva no confronto com o Bahia, encerrado com empate por 1 a 1 na noite de sábado, pelo Campeonato Brasileiro. No Estádio Pituaçu, o comandante justificou a decisão e aprovou a entrada do jovem atacante Wesley no segundo tempo.

Artilheiro do Palmeiras na temporada com nove gols, Luiz Adriano substituiu Willian na etapa complementar e participou do lance do gol ao acionar Gustavo Scarpa pela direita. O centroavante ainda teve a chance de marcar após rebote de chute disparado por Zé Rafael, mas chutou em cima da marcação.

“A gente tem que fazer um revezamento, porque, em uma lesão como a do Marcos Rocha, você perde o jogador por três semanas. Poderia jogar e não ter nada, mas poderia começar e ter alguma coisa ou até entrar e ter alguma coisa. Então, precisamos fazer o equilíbrio através daquilo que temos de informação”, justificou Luxa, sobre Luiz Adriano.

Uma das duas únicas contratações oferecidas ao treinador nesta temporada, Rony fez mais uma partida discreta contra o Bahia. No segundo tempo, o jovem Wesley substituiu o titular e deu trabalho à marcação adversária pelo lado esquerdo do ataque.

“Teve algum jogo em que ele (Wesley) não entrou bem. Mas, hoje, não. Entrou de uma outra maneira, buscando aquilo que tem: velocidade com drible. A gente vai acreditando nessa molecada e colocando para jogar. É a proposta do Palmeiras de remodelação”, afirmou.

Com o empate na Bahia, o time comandado por Luxa chega aos nove pontos e figura no sexto lugar do Campeonato Brasileiro. Pela sétima rodada, o Palmeiras volta a campo para enfrentar o líder Internacional às 21h30 (de Brasília) de quarta-feira, no Allianz Parque.

O post Luxa justifica artilheiro Luiz Adriano como reserva e aprova entrada de Wesley apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima